Beba com responsabilidade e se beber não dirija.

terça-feira, 11 de outubro de 2011

33 - LA TRAPPE QUADRUPEL

Prezados amigos leitores do Blog Cervejas Especiais hoje estou postando essa matéria com muita alegria, eis que realizei um dos meus “sonhos cervejeiros” que era provar a tão famosa cerveja La Trappe Quadrupel..... e digo a vocês que valeu a pena a espera, pois me deparei com uma das melhores cervejas que já experimentei.... com certeza a La Trappe Quadrupel está no topo do ranking de minhas cervejas especiais preferidas.... então vamos falar sobre ela.


Cerveja: LA TRAPPE QUADRUPEL
Cervejaria: Koningshoeven B. V.
Estilo: Trapista
Teor Alcoólico: 10%
Local de origem: Tilburg, Holanda.
Degustada: 01/10/2011

A La Trappe Quadrupel é uma cerveja de estilo Trapista, fabricada em uma cervejaria no monastério holandês de Onze-Lieve-Vrouw van Koningshoeven sob a supervisão de monges.

O monastério de Koningshoeven surgiu, em 1880, após a partida do monge Sebastianus Wyart da abadia de Mont des Cats, na França, o qual buscava encontrar um novo local para estabelecer outro monastério, assim sua escolha se deu na Holanda, mais precisamente em Berkel-Enschot, nas proximidades de Tilburg, local onde até hoje está localizado o mosteiro Trapista de Koningshoeven.








Os monges que congregam este monastério pertencem a Ordem Trapista, também conhecida por “Ordem dos Cistercienses Reformados de Estrita Observância, é uma congregação católica derivada da Ordem de Císter, do século XII, que segue a regra de São Bento ora et labora (orar e trabalhar). Eles vivem em profundo silêncio e austeridade e passam toda a vida no mesmo mosteiro” (Larousse da Cerveja). E o melhor produzindo cerveja...... lembrem-se da tradição dos monges em produção cervejeira (se você não conhecesse esta história clique aqui). Bem, convenhamos ..... não deve ser tão difícil assim viver recluso em uma “fábrica de cerveja”, com toda aquela cerveja de qualidade para “jejuar”.

Na verdade a cervejaria, embora pertença ao monastério de Koningshoeven, leva o nome de Trappistenbierbrouwerij de Schaapskooi (Larousse da Cerveja).

Como já explicado em postagens anteriores (para relembrar clique aqui) existe distinção nas cervejas produzidas em monastérios. A grande maioria dessas cervejas são denominadas cervejas de abadia, porém existe um grupo especial dessa bebida que recebe o nome de cervejas Trapistas e isto ocorre porque as mesmas são produzidas por um grupo específico de monges, os da Ordem Trapista, e a cerveja La Trappe, como seu próprio nome já indica, é uma delas.

Hoje no mundo existem somente 08 (oito) mosteiros trapistas autorizados pela congregação a produzirem cervejas (que levam o selo da Ordem Trapista), sendo seis localizados na Bélgica, um na França e um na Holanda, sendo este último o produtor da cerveja La Trappe.








N
o que diz respeito à cerveja La Trappe Quadrupel podemos dizer que é uma cerveja muito encorpada, pois é produzida com quatro vezes mais malte que as demais cervejas, daí a expressão Quadrupel, tal fato lhe confere muito corpo e alto teor alcoólico (10%).

É uma cerveja de alta fermentação (strong ale), que ressalta maravilhosamente notas de especiarias, malte (lembrando pão fermentado) e aroma de frutas secas. A primeira sensação que se tem ao prová-la é o realce adocicado, em decorrência do alto teor alcoólico, porém é um adocicado equilibrado, ou seja, não é enjoativo e não deixa ressaltar gosto de álcool. Logo em seguida ocorre uma leve secura na boca, devido ao amargor que toma lugar do sabor doce.

A cerveja La Trappe Quadrupel é fermentada em barris de carvalho, o que lhe confere um sabor mais intenso e um aroma especial da madeira. Detalhe: a La Trappe Quadrupel é uma cerveja de guarda, ou seja, pode ser estocada e consumida anos mais tarde.

Cerveja de coloração rubi (ou âmbar avermelhado, como preferirem), de média carbonatação e corpo muito forte que propicia uma rápida saciedade a quem está degustando essa excelente cerveja. Espuma de cor bege, cremosa e de média duração.

Copo ideal para degustar a La Trappe Quadrupel é o cálice Trapista.
Cálice Trapista


Fontes de pesquisa:

MORADO, Ronaldo. Larousse da Cerveja. São Paulo: Larousse do Brasil, 2009.


Site La Trappe: http://www.latrappe.nl/


2 comentários:

  1. Mais uma cerveja especial para entrar na fila. Essa com certeza merece uma atenção maior, espero experimentá-la em breve.

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. É verdade Vinicius, tente experimentá-la o quanto antes, embora o preço seja um pouco alto a Quadrupel vale cada centavo investido.

    ResponderExcluir