Beba com responsabilidade e se beber não dirija.

terça-feira, 31 de julho de 2012

62.- PAULANER SALVATOR


Cerveja: PAULANER SALVATOR
Cervejaria: Paulaner Brauerei
Estilo: Doppelbock
Teor Alcoólico: 7,9%
Local de origem: Munique, Alemanha.
Degustada: 01/11/2011


A PAULANER SALVATOR é uma cerveja alemã de baixa fermentação (lager) do estilo Duppel Bock ou Doppelbock, que se caracteriza por ser uma cerveja de coloração cobre escura, com sabor rico em malte caramelo e perfeitamente equilibrado com grandes concentração de álcool e com aroma leve de malte (lembrando cheiro de caramelo), sem destaque algum à aroma de lúpulo.

É tida como a original Doppelbock, estilo de cerveja consumido pelos monges paulinos durante o período de jejum, o pão líquido que confortava a alma desses religiosos durante o período de penitência.


A PAULANER SALVATOR é fabricada com a mesma receita desde o final do século XVIII. Dita cerveja segue os padrões da Reinheitsgebot, ou seja, a Lei Alemã da Pureza de 1516, que permite, na produção cervejeira, a utilização exclusiva de água, malte, lúpulo e fermento, proibindo o acréscimo de qualquer outro ingrediente (adjunto).

A PAULANER SALVATOR mostrou-se uma excelente cerveja, muito bem equilibrada, mantendo harmonia entre o proeminente sabor adocicado de caramelo (advindo do malte), logo confundindo-se com as notas alcoólicas e com um toque praticamente imperceptível de lúpulo, o qual somente se encontra na receita para manter dito equilíbrio e não deixar a cerveja enjoativa.


Cabe destacar que embora a SALVATOR possua alto índice alcoólico, dita presença do álcool não deixa a sensação de ardência ou queimação, nem mesmo de calor na boca, mas sim repassa a ideia de maciez e saciedade ao apetite do apreciador.

A PAULANER SALVATOR é uma cerveja de coloração cobre escura, com espuma cremosa de cor bege claro, duradoura (embora possua alto concentração de álcool, que poderia afetar a consistência da espuma) e de aroma levemente adocicado, rico em notas maltadas, com praticamente nada de aroma do lúpulo.


Na boca sente-se o gosto marcante do malte lembrando um mistura de nozes e caramelo, completado com presença suave do álcool, sem nada de amargor, demonstrando ser uma cerveja bem encorpada, sua principal característica.

Copo ideal para apreciar essa excelente cerveja é o tulipa.

Copo Tulipa

Fontes de pesquisa:

Beer Judge Certification Program (BJCP) 2008.

Site da Paulaner Brauerei: http://www.paulaner.com/

Um comentário: